domingo, 18 de julho de 2010

Blog do Aurelião

Vitor Knijnik
Texto publicado na revista Carta Capital e no endereço eletrônico
http://www.blogsdoalem.com.br/aurelio

"BIG AURILIAN"
Sempre acreditei que a língua é viva, orgânica e independente. Cheguei até, certa vez, a levar um tapão forte de uma mulher, tentando aplicar essa conversa. Minha crença nunca foi tão verdadeira. Anglicismos entram sem pedir licença todos os dias na nossa life por conta da web e suas redes sociais. A coisa tá speedy mesmo. O ritmo é frenético. Deletar, por exemplo, teve de esperar anos de uso intenso até virar um verbete no meu dicionário. Hoje não temos mais esse tempo, a vida é on-line. Por isso resolvi estartar esse projeto de upideitização de novos termos aqui no meu blog. Meu objetivo não é baipassar a versão impressa. Nada disso. Ela continuará tendo seu valor como peso de papel. Aos saudosos, recomendo que printem minhas postagens e anexem ao tijolão. Chattear. (adapt. do inglês). (to) chat. Encher o saco de alguém, durante conversa realizada por mensagens escritas, com expressões do tipo brigadim kirido e pru6. \o/. (adapt. do chinês 喜悦). 1. Mostrar alegria exacerbada. 2. Provar que você está usando desodorante. 3. Chamar a atenção de garçons desatentos. Feicebucar. (adapt. do internetês). (to) facebook, 1. “procurar”, “xeretar”, investigar a vida alheia de quem não cadeou suas informações, descobrir se ele ou ela tem fotos de sunga ou biquíni na praia. 2. Postar fotos do bebê, do fim de semana ou da viagem ao exterior que mostrem que a sua vida está melhor do que a de quem a está olhando. Laicar. (adapt. do webês). (to) like. V.t.d. Informal. Apertar o botão de like oferecido por algumas postagens. Um jeito bom de fazer uma média sem emitir nenhuma opinião por escrito. O termo pode ser usad também na sua versão antipática: deslaicar. Trenditopicar. (adapt. do tuitês). Ato coletivo ou individual de colocar um assunto bizarro, desimportante ou cifrado entre os mais falados no Twitter. “Eu trenditopicara o Cala Boca Galvão durante aquela Copa.”

Um comentário:

  1. Esses blogs do alem sao mesmo muito bons. Acompanho sempre na CartaCapital.

    ResponderExcluir